17/04/2018 - 12:49
Os Dez Mandatos do “SIM”
 Foto: Divulgação  

Expositor do Museu Municipal, em 1997, com panfletos e panos pró-Emancipação

Durante a campanha pelo desmembramento de Votorantim da cidade-mãe Sorocaba, incentivando a população do distrito que votasse em concordânciam no plebiscito de 1º de dezembro de 1963, circulou entre o eleitorado um panfleto de autoria de J.Cassilo onde consta “Os Dez Mandatos do Sim”:

Votorantinense, a 1º de dezembro, lembra-te que:

- Votar SIM, é dar Independência a teus filhos!

- Votar SIM, é melhor maneira de por um paradeiro à injustiça e ao ostracismo de que foste vítima por muitos e muitos anos!

- Votar SIM, é imperativo da consciência de um povo oprimido e humilhado, um povo que viu e que vê seus recursos serem mal barateados em panacéias administrativas e orgias orçamentárias!

- Votar SIM, é mesmo que dizer “basta” a essa Sorocaba insensível e ingrata, que nunca proporcionou um momento de alegria a esse filho que tudo lhe tende dado!

- Votar SIM, é romper os vínculos por onde teu sangue tem sido sugado indefinidamente, deixando-te fraco e combalido, a míngua de qualquer assistência ou atenção!

- Votar SIM, é sacudir de uma vez por todas, a poeira da tua indiferença, tomando em tuas mãos, aquilo que por direito te pertence e, mais do que a ti, pertence aos teus filhos!

- Votar SIM, é usar a arma que a Democracia colocou em tuas mãos, para que te defendas contra os usurpadores de teus direitos, contra o coveiro de teu progresso, contra os carcereiros de tua liberdade!

- Votar SIM, é afirmação da tua maturidade política, do teu anseio de progresso, num momento em que os abutres de tua sorte, te julgam soterrados sobre uma montanha de ignorância!

- Votar SIM, é enfrentar de peito aberto a monstruosa campanha que contra a ti estão movendo, usando de todos os meios e recursos para ti subordinar eternamente ao jugo impiedoso de políticos falidos e incompetentes!

10º - Votar SIM, é dar a teus filhos aquilo que nunca tivestes: escolas superiores, hospitais, pronto socorro, ruas asfaltadas, praças ajardinadas, água em abundância, luz em profusão, esgotos e toda uma série enorme de benefícios que moderna civilização a ti pode oferecer. E o que é mais importante, votorantinense, terás o respeito das comunidades vizinhas e direito inalienável de dirigir aquilo que te pertencem!

Votorantim espera que cada um de seus filhos cumpra o seu sagrado dever!


Cesar Silva é jornalista e autor de três livros sobre a história local
Visite a página no Facebook: “Histórias da Minha Cidade –Votorantim”

 


Coluna publicada na página 14 da edição 263 da Gazeta de Votorantim 14 a 20 de abril de 2018







Deixe seu Comentário

Newsletter
Cadastre seu email e receba nossos informativos e promoções de nossos parceiros.