01/07/2019 - 11:51
Pinturas que retratam nossas origens
 Foto: Divulgação 

Barra Funda, igreja São João Batista, armazém e linha férrea

Muitas das imagens que ajudam a ilustrar a história de Votorantim são em sua maioria a partir da década de 60, período de grande agitação popular e política com o movimento separatista de Sorocaba e consequentemente a Instalação do Município.

Antes disso, alguma imagem ou outra, mostra isoladamente particularidades que envolvia a comunidade. O recurso fotográfico era quase inacessível aos assalariados que moravam ou trabalhavam no distrito industrial.

Imagine que para fazer uma foto com integrantes da família era necessário pegar um bonde e ir até o centro de Sorocaba. Com o tempo surgiram os fotógrafos autônomos que estavam presentes nos acontecimentos religiosos e sociais, além de percorrer os bairros para oferecer o serviço.

Transportando-nos para um passado mais distante e sem a presença da fotografia, como poderíamos melhor compreender a formação dos primeiros bairros, o início das manifestações religiosas e relação da comunidade com o lazer e o comércio?

Graças ao artista plástico suíço Ettore Marangoni (1907-1992) podemos encontrar preciosas relíquias de sua autoria que agora estão expostas no Museu Público Municipal. São quadros que foram concebidos para deixar registrado o processo evolutivo do local.

O pequeno Ettore chegou com a família ao Brasil aos oito anos de idade; morando em Votorantim, aos 12 começou a pintar. Desenvolveu técnicas e habilidades, que somados aos estudos para preparação do tema a ser abordado, permite dizer agora que suas obras contribuíram sensivelmente para compreendermos as origens e formação local.

São inúmeros trabalhos que mostram os primeiros habitantes como Porfírio José Machado, o fundador do time Savoia, italiano Guido Picolotto; a visita de Dom Pedro II com sua comitiva à Cachoeira da Chave, a formação do antigo centro e vilas operárias, a primeira missa celebrada na rua Bernardino de Campos, capelas da Penha e do Cubatão, Fazenda São Francisco, entre outros tantos locais e personalidades que ajudam a visualizar o começo de tudo.

 

Cesar Silva é jornalista e autor de três livros sobre a história local

Visite a Fanpage: Histórias da Minha Cidade –Votorantim

Contato: historiadevotorantim@gmail.com

 

 

Coluna publicada na página 14 da edição nº323, do jornal Gazeta de Votorantim, de 29 de junho a 5 de julho de 2019.







Deixe seu Comentário

Newsletter
Cadastre seu email e receba nossos informativos e promoções de nossos parceiros.