Anterior

Águas de Votorantim realiza atendimento itinerante no Jardim Tatiana

05/07/2017

Anterior

Próxima

Aposentados e pensionistas podem solicitar isenção do IPTU de 2018

06/07/2017

Próxima
05/07/2017 - 17:44
Vereador Ita sugere ampliação da Parceria Público-Privada
 Foto: Divulgação 

O vereador Adeilton Tiago dos Santos, Ita, (PPS) apresentou requerimento na sessão ordinária da Câmara de Votorantim do dia 27, sugerindo ao prefeito Fernando de Oliveira Souza (DEM) que amplie a Parceria Público-Privada (PPP) na área da saúde. Hoje, o município mantém contrato com o Moriah, que administra a Unidade Municipal de Pronto Atendimento "Gumercindo Vieira Soares" (P.A. Central) e o Hospital Municipal "Dr. Lauro Roberto Fogaça".

No entanto, três prédios construídos para abrigar novas Unidades de Pronto-Atendimento (UPA) que custaram mais de R$ 4,5 milhões, à época, aos cofres públicos e deveriam desafogar o atendimento nas outras unidades de saúde estão abandonados.

Dois já deveriam ter sido inaugurados e o terceiro teve as obras interrompidas. Um deles fica no Parque Jataí II e deveria ter sido entregue em março de 2014. "Isso prejudica a população local, que poderia usar essa unidade de saúde e tem que se deslocar até o Centro, outros bairros ou Sorocaba, em alguns casos,  mesma situação do  bairro Vila Nova Votorantim, que também tem um prédio pronto para abrigar uma UPA", disse o vereador. Outro bairro que espera a sua unidade de Saúde é o Jardim Tatiana.

“Sabemos que no Brasil existe enorme déficit de infraestrutura básica nos munícipios. E Votorantim não é diferente. A Parceria Público-Privada (PPP) tem sido um instrumento de modelagem de projeto para enfrentamento das demandas da população nas diversas áreas, principalmente a saúde”, explica Ita.

O parlamentar acredita que, quando bem formatada, a Parceria Público-Privada é a ferramenta indicada para levar eficiência aliada a custos baixos à Gestão Pública, garantindo rentabilidade suficiente para atrair o investidor/operador privado e serviços com qualidade para a população.

“Considerando que, no caso de Votorantim, dentre as demandas, as que mais nos preocupam estão ligadas à área da saúde, haja vista que, os casos mais atendidos em nosso gabinete, referem-se às demoras para o atendimento médico, quer seja para realização de um exame específico, uma cirurgia ou até mesmo, uma consulta médica, com especialistas, defendo estudos emergenciais para a ampliação da Parceria Público-Privada, que tem demostrado ser bem-sucedida em Sorocaba, por exemplo, com o Grupo BOS administrando unidades da saúde em importantes bairros da cidade vizinha”, disse Ita.

“Os estudos são necessários para que tudo seja feito em favor do bem comum. Tem que ser bom para o Município, para a população e para operador do serviço. Votorantim ganha agilidade, a população o atendimento que precisa e o operador a remuneração justa pelo bom serviço que deve prestar”, opina Ita.

“A sugestão está lançada e espero que seja analisada com todo o critério necessário pelo prefeito Fernando de Oliveira Souza”, conclui o vereador.

 

Fonte: Assessoria de Imprensa










Deixe seu comentário



Newsletter
Cadastre seu email e receba nossos informativos e promoções de nossos parceiros.