Anterior

Licenciamento: novembro é o mês de veículos com final 9

16/11/2017

Anterior

Próxima

Mímicos interagem com população no Centro de Sorocaba para abordar a travessia segura

16/11/2017

Próxima
16/11/2017 - 20:13
Novembro Azul: cuidados com a saúde do homem devem seguir durante todo o ano

Especialista fala sobre os números da doença, importância do diagnóstico precoce e de levar uma vida saudável
 Foto: Divulgação 

---

A importância de campanhas como o “Novembro Azul” de conscientização quanto ao câncer de próstata é reforçada quando é revelado que em 2017 são esperados cerca de 60 mil novos casos da doença. A estimativa é do Instituto Nacional do Câncer, (Inca), órgão que atua no desenvolvimento de ações voltadas à prevenção do câncer no Brasil.

De acordo com Dr. Fabio Oliveira de Sousa, médico urologista do Hospital Santo Antonio, de Votorantim, o elevado número de novos casos pode ser interpretado de várias formas. “O envelhecimento da população brasileira é uma das razões para o crescimento da doença. Há mais homens em idade avançada, acima dos 40 anos, principal grupo de risco do câncer de próstata”, comenta o médico.

A medida comparativa, entre 1990 e 2013, o aumento nos casos de câncer de próstata foi de 127,9%, saltando de 26,52 para 60,44 casos a cada 100 mil habitantes. O levantamento foi divulgado pelo Jornal da Associação Médica Americana (Jama).

Outro motivo para este aumento, apontado por Dr. Fabio, são as próprias campanhas de conscientização. “O aumento do número de diagnósticos pode ser visto de uma forma positiva se considerarmos que cada vez mais homens procuram o médico para exames, como o toque retal, que diagnosticam o câncer de próstata. Com mais gente preocupada com a saúde e procurando se cuidar, é natural que aumentem os diagnósticos, principalmente em estágio inicial, pois caso contrário, a doença permaneceria oculta, não constaria nas estatísticas e só seria descoberta tardiamente, quando os sintomas mais graves costumam aparecer”, detalha o médico.

Estas constatações reforçam a necessidade de trabalhar preventivamente a doença. “Quando o câncer de próstata é diagnosticado no início, as chances de cura são superiores a 90%, por este motivo, mesmo na ausência de sintomas, homens a partir dos 45 anos com fatores de risco, ou 50 anos sem estes fatores, devem ir ao urologista para conversar sobre o exame de toque retal, que permite ao médico avaliar alterações da glândula, como endurecimento e presença de nódulos suspeitos, e sobre o exame de sangue PSA (antígeno prostático específico). Estes dois exames são complementares no diagnóstico preciso”, afirma o médico.

Saúde merece atenção o ano todo

Embora os incentivos aos homens para que cuidem bem da saúde tenham mais destaque somente em novembro, as atenções devem seguir durante o ano todo. “Os cuidados preventivos com a saúde vão muito além de uma consulta médica ao ano. Também é necessário manter o peso adequado, alimentação balanceada, praticar atividades físicas, controlar o estresse, dormir 8h por dia, enfim, ter uma vida saudável. Desta forma não só as chances de desenvolver câncer de próstata como muitas outras doenças são diminuídas”, conclui o urologista.

Inscrições devem ser realizadas na maternidade do Hospital Santo Antonio de Votorantim, pelo telefone: (15) 2101-0001. O hospital está localizado na Avenida Santo Antonio, 150, Barra Funda, em Votorantim (SP).

 

 

Fonte: Assessoria de Imprensa 










Deixe seu comentário



Newsletter
Cadastre seu email e receba nossos informativos e promoções de nossos parceiros.