Anterior

Tribunal de Contas do Estado eleva a avaliação da gestão municipal de Votorantim

12/02/2019

Anterior

Próxima

Centro Esportivo Vila Gabriel tem programação aberta para todas as idades

12/02/2019

Próxima
12/02/2019 - 09:54
Avaliação de Densidade Larvária aponta risco de epidemia de dengue

Mais um caso suspeito é descartado pelo Instituto Adolfo Lutz, outros três são investigados; ação de combate ao criadouro prossegue nesta terça-feira (12) na Vila Garcia e região central
 Foto: Lucas Spirim 

A Prefeitura de Votorantim, por meio da Secretaria da Saúde, deu início nesta segunda-feira (11) às ações da Semana Especial de Combate à Dengue, com visitação dos agentes de saúde, casa a casa, no Parque São João e Vossoroca. Um caso suspeito da doença e que estava em investigação desde a semana passada foi negativado pelo Instituto Adolfo Lutz.

            Conforme a secretaria da Saúde, as ações serão intensificadas ainda mais tendo em vista o resultado da Avaliação de Densidade Larvária (ADL), realizado no mês de janeiro, obtendo o índice de 5,39. Para o Ministério da Saúde, o número é considerado risco de epidemia.

            De acordo com o Departamento de Vigilância em Saúde as regiões com o maior índice de larvas do mosquito Aedes aegypti, transmissor da dengue, chikungunya e zika vírus, são a Vila Garcia, Parque Bela Vista, Clarice, Vossoroca e Centro.

            A diretora de Vigilância em Saúde, Nila Puglia, conta que durante a ADL realizada em janeiro deste ano os agentes de endemias percorreram mais de 600 imóveis de 118 quarteirões da cidade, conforme determina a Superintendência de Controle de Endemias (Sucen), órgão ligado à Secretaria de Estado da Saúde. “Precisamos cada vez mais do apoio dos moradores, pois as residências estão infestadas de larvas do mosquito e precisam ser eliminadas, ainda mais com esse período de forte calor e chuva”, disse.

            Dos dois casos em investigação na semana passada, um foi confirmado e outro descartado pelo Instituto Adolfo Lutz. De acordo com a Secretaria da Saúde, nesta segunda-feira, mais três casos suspeitos passaram a ser investigados. Até o momento no município foram 77 casos notificados, sendo um confirmado e três aguardam resultados, os demais todos descartados.

Ações não param

Nesta terça-feira (12) as ações prosseguem na Vila Garcia com a participação da Secretaria de Serviços Públicos (Sesp) realizando a limpeza, além das equipes da Zoonoses com visitas às  casas, orientação e eliminação de possíveis criadouros. Já uma outra equipe estará com ações de bloqueio na região Central.

Uma das munícipes que permitiu a entrada dos servidores da Zoonoses nesta segunda-feira (11) foi Ivone Pereira Nunes, moradora do Vossoroca. Ela, que já teve dengue, conta que está sempre atenta aos cuidados necessários. "Troco a água dos cachorros e das galinhas constantemente, lavo a vasilha, deixo as garrafas viradas para baixo", explicou. Tanto que, em sua residência, os agentes não encontraram focos do mosquito Aedes aegypti.

A ADL complementa as ações que já são desenvolvidas, como a visita de porta em porta e o trabalho de pesquisa de pontos estratégicos, com a pulverização de inseticida quando necessário.

 

        A Sesa orienta que, ao apresentar os sintomas da doença, como febre alta, dor de cabeça, dor atrás dos olhos e dores no corpo, a pessoa deve procurar de imediato pela Unidade de Saúde (UBS) mais próxima de sua residência.

Limpeza

            Dando continuidade aos serviços de limpeza e roçagem pela cidade, a Secretaria de Serviços Públicos realizou nesta segunda-feira a retirada de entulhos de uma viela do Parque Morumbi, além do corte de mato de todo o Integra Comunidade do Jardim Toledo e de alguns pontos do Jardim Bandeirantes. Outros pontos já estão na programação para esta semana.

 

Fonte: SECOM Votorantim










Deixe seu comentário



Newsletter
Cadastre seu email e receba nossos informativos e promoções de nossos parceiros.