Anterior

Dando um tempo na política, Pastor Tonhão confirma apoio a Cesar Silva

28/09/2020

Anterior

Próxima

Jair Cassola comenta o motivo de não apoiar Silvano ou Marcão

28/09/2020

Próxima
28/09/2020 - 15:49
Rubens Mesadri não acompanha PDT e declara apoio a Fernando de Oliveira Souza
 Foto: Arquivo TV Votorantim 

Rubens Masadri

.

.

Aldo Fogaça

 

Vereador por três mandatos (1976 a 1982, 1989 a 1992 e 1993 a 1996), Rubens Mesadri é um nome respeitado no cenário político de Votorantim. Foi presidente do Legislativo de janeiro de 1989 a dezembro de 1990 e líder do ex-prefeito José de Oliveira Souza, o Zeca Padeiro, em 1991 e 1992.

Também foi superintendente do Serviço Autônomo de Água e Esgoto (Saae) de 2001 a 2004, no primeiro governo de Jair Cassola. De 2005 a 2010, foi secretário municipal de Desenvolvimento e Gestão Política e Econômica, no segundo mandato de Jair Cassola. De 2011 a 2012, no governo de Carlos Augusto Pivetta, voltou a ocupar o cargo de superintende do Saae.

Na esfera estadual, foi assessor político do então secretário de Estado de Agricultura e Abastecimento de São Paulo, Jose Antônio Barros Munhoz, de 1991 a 1994 e assessor político do ex-deputado estadual Flavio Nelson da Costa Chaves em 1995 e 1996.

“Sou um ex-vereador com três mandatos conquistados nas eleições de 1976 pela Arena, no tempo do bipartidarismo, e 1988 e 1992 pelo PTB”, lembra Mesadri.

Filiado ao PDT desde o final de 1999, assinou a ficha de entrada no partido no mesmo dia de Jair Cassola.

Todo esse histórico político credencia Rubens Mesadri a ser uma voz importante nas eleições municipais deste ano.


Opinião

Ele acredita que o PDT mereceria ter uma candidatura própria a prefeito “como sempre teve desde o ano 2000”, disse. Mesadri disse que não ficou insatisfeito com a decisão tomada pelo partido – e por Jair Cassola -  de dar apoio à candidatura de Fabíola Alves da Silva Pedrico, do PSDB. “Respeito muito Jair Cassola, tanto que ele foi prefeito por dois mandatos consecutivos e eu estive desde do primeiro ao último dia de seu governo, escolhido por ele, como seu secretário municipal, ocupando cargos de superintendente do hoje extinto Saae, bem como na Secretaria de Gestão Política e Econômica”. 

 

Posicionamento

“Não tenho nada contra a candidata do PSDB. Não temos tanto relacionamento político por estarmos sempre em posições ideologicamente contrárias, mas sempre nos tratamos educadamente, muito bem.

Inclusive, eu, enquanto secretário municipal e ela (Fabíola) como vereadora, todas as vezes que me procurou, a atendi com o maior profissionalismo, pois na verdade suas reivindicações sempre foram a favor da população. Não a apoiarei, como disse, por questões meramente ideológicas. Nunca estive com o PSDB em nenhuma eleição, por questões de ideologia”, enfatizou Mesadri.

Embora afastado diretamente das disputas eleitorais, o veterano político diz que “a respeito do próximo pleito em 15 de novembro, digo sem medo, que Votorantim, terá um leque muito interessante de candidatos, jovens e dispostos a fazerem o melhor pela cidade”.

 

Apoio

“Como já me decidi, há muito tempo, não ser mais candidato a nenhum cargo político, como eleitor, tenho direito de fazer uma escolha e a mesma será no candidato à reeleição Fernando de Oliveira Souza, filho do ex-prefeito e saudoso Zeca Padeiro, o qual sempre fui aliado e inclusive seu líder na Câmara Municipal. Acho que está fazendo uma boa administração, com falhas como todo administrador, mas inaugurando muitas obras que estão fazendo a diferença para a população, inclusive, algumas delas, há algum tempo paralisadas”, declarou Mesadri. 

Ele deixou claro que não tem nenhum interesse em deixar o PDT. “Digo que não, pois já são 21 anos e me simpatizo demais com essa sigla. Uma mudança agora em nada mudará minha história política na cidade onde nasci e onde me dediquei à população por 14 anos como vereador e 12 como secretário municipal, pois além dos 8 anos com o Cassola, fiquei mais 4 anos com o ex-prefeito Pivetta”, encerrou.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Reportagem publicada na página 10, da edição nº 383, da Gazeta de Votorantim, de 26 de setembro a 2 de outubro de 2020.










Deixe seu comentário



Newsletter
Cadastre seu email e receba nossos informativos e promoções de nossos parceiros.