Anterior

Necrologia edição 391 - 12 a 18/11/2020

21/11/2020

Anterior

Próxima

Vice-prefeito eleito, Rodrigo Kriguer, diz que vai trabalhar em tempo integral ao lado de Fabíola Alves

22/11/2020

Próxima
22/11/2020 - 18:00
Fabíola Alves é a primeira mulher eleita para a assumir a Prefeitura de Votorantim
 Foto: Rony Queiroz 

Fabíola Alves

Aldo Fogaça


Fabíola Alves da Silva Pedrico (PSDB), 37 anos, foi eleita prefeita da cidade de Votorantim para a gestão 2021 - 2024 com 14.719 votos, representando 28,35% dos votos nas eleições 2020.

Filha do ex-prefeito Erinaldo Alves, Fabíola é casada, tem um filho, é arquiteta e urbanista, possui especialização em sustentabilidade pela Universidade Belas Artes, Gestão Pública Municipal pela Universidade Federal de São Paulo Unifesp e MBA em Cidades Inteligentes pela Facens. Está no terceiro mandato como vereadora. 

Ela será a primeira mulher eleita a ocupar a cadeira no executivo votorantinense. No legislativo, também inaugurou a presença feminina na Câmara, juntamente com outras duas vereadoras, em 2009.


Transição e secretariado 

Em entrevista exclusiva à Gazeta de Votorantim, a prefeita eleita de Votorantim, Fabíola Alves, informou ontem (19) que já montou a sua equipe de transição e protocolou um ofício comunicando a atual gestão.

No entanto, até o fechamento desta edição, ela ainda não havia conversado com o prefeito Fernando de Oliveira Souza para acertar o início da transição e sobre outros assuntos relativos à administração da cidade.

Fabíola disse que o seu secretariado será anunciado, “provavelmente”, na próxima semana, e está sendo composto de acordo com o perfil de cada área, e analisando a experiência, profissionalismo, dentre outras habilidades. “Queremos oferecer uma equipe capacitada para dar cabo do nosso plano de governo, sem deixar de lado o contato e a abertura para fazer o melhor pela população de Votorantim”. A prefeita eleita não informou quantas secretarias pretende ter e nem se o vice Rodrigo Kriguer ocupará uma pasta.

 

A escolha do eleitor

Perguntada por qual motivo o eleitor escolheu ela para administrar Votorantim, Fabíola disse que acredita que são vários os fatores. “Acredito que o meu desempenho positivo no Legislativo durante doze anos, sempre combativa e atuante, foi determinante para dar credibilidade ao projeto apresentado para o Município durante os próximos quatro anos. Somaria, ainda, as propostas do meu plano de governo, que foram elaboradas por munícipes e por pessoas técnicas de cada área foram ao encontro das expectativas da população. A coligação Fé no Futuro foi um sucesso devido à credibilidade de todos os membros da equipe, dos candidatos a vereadores e vereadoras, do apoio de Jair Cassola e Erinaldo Alves e também do prestigio do meu vice Rodrigo Kriguer”.

Sobre seu desempenho nas urnas, Fabíola Alves disse que foi uma eleição atípica, com o receio da pandemia do Covid-19. “A maior abstenção já registrada, a multa por não votar que é ínfima e mesmo assim pudemos perceber que a população compareceu às urnas, deu seu voto de confiança e votou de forma consciente, me deixa muito honrada e feliz, além de redobrar meu desejo de trabalhar por essa cidade que eu tanto amo”.

 

Melhor e pior momento

A prefeita eleita falou sobre o melhor e o pior momento da campanha que a conduziu à Prefeitura. “O melhor momento é o grande carinho da população e todo o apoio recebido, que foram demonstradas de várias formas e durante todo o período de pré-campanha e de campanha, culminando com as congratulações pela vitória e o dever de ter cumprido com uma etapa. O pior momento foi ter que me deparar com injúrias, calúnias, ameaças e comportamentos primitivos que nada acrescentaram no processo eleitoral e que depõem contra o processo democrático que vivemos”.

 

Expectativas

Perguntada sobre a sua expectativa para o dia 2 de janeiro de 2021, primeiro dia útil de seu governo e sobre a sua primeira decisão como prefeita, Fabíola Alves falou que pretende revisar todos os contratos da Prefeitura para que assim consiga desde o primeiro ano apresentar resultados a população. “Iniciarei pelos serviços essenciais, especialmente a saúde e educação, áreas afetadas com a pandemia. Quero manter canal aberto de diálogo com os servidores, com a população e todos os setores da cidade.

A Gazeta de Votorantim quis saber como a prefeita eleita espera apresentar Votorantim à população no dia 31 de dezembro 2024. Fabíola Alves disse que quer “uma Votorantim mais digital, mais inclusiva, onde as pessoas possam ter oportunidades, serem acolhidas nas suas demandas. Uma cidade inteligente e eficiente que oferece mais serviços pelos menores custos. Quero que o votorantinense se sinta ouvido, representado e tenha orgulho da sua cidade, que valorize a sua história e, acima de tudo, que ele tenha a certeza que fez a melhor escolha para governar a cidade que todos amamos.

 

Agradecida

Fabíola Alves disse que está honrada pela escolha dos eleitores e agradecida pela confiança recebida. “Venho mais uma vez agradecer a todos que confiaram no meu trabalho, agradecer a Deus, a minha família, a minha equipe de trabalho, a coligação Fé no Futuro e principalmente a toda a população de Votorantim que me delegou essa missão tão nobre de governar a cidade que amamos pelos próximos quatro anos. Peço a confiança de todos, os que foram meus eleitores e os que não foram, para que, juntos, possamos construir a Votorantim do futuro e a Votorantim como ela deve ser”, finalizou.

 

 

Reportagem publicada na página 07 da edição 391 da Gazeta de Votorantim de 20 a 27 de novembro de 2020










Deixe seu comentário



Newsletter
Cadastre seu email e receba nossos informativos e promoções de nossos parceiros.